São Paulo é uma das maiores metrópoles do país, dispondo de excelência em diversos aspectos sociais, inclusive na qualidade de ensino. O estado possui as melhores instituições de ensino, tanto para o ensino privado quanto para o ensino particular. S você pretende se formar na região, confira a seguir 9 ótimas faculdades para quem é do estado de São Paulo:

Rede privada

Universidade Presbiteriana Mackenzie (MACKENZIE)

Esta universidade é referência de tradição e qualidade no estado de São Paulo. A instituição é conhecida por ter suas vagas muito concorridas pelos estudantes. Para ingressar na universidade Mackenzie nos próximos meses, é necessário se inscrever para o Mackenzie vestibular 2021.

Universidade Nove de Julho (UNINOVE)

A Universidade Nove de Julho tem sede em São Paulo com unidades distribuídas por diversas cidades do estado. A instituição tem destaque para o curso de Medicina e conta com mais de 100 mil alunos graduando.

Universidade Paulista (UNIP)

A UNIP é uma das melhores e mais populares instituições de ensino superior da rede privada. A universidade conta com mais de 400 mil alunos presenciais espalhados pelas unidades do estado, sem contar que está presente em diversas outras regiões do país.

Universidade São Francisco (USF)

Outra instituição que está classificada entre as melhores de São Paulo é a Universidade São Francisco. Além de formar excelentes profissionais nos mais variados cursos ofertados, as unidades dispõem de ótima infraestrutura para atender as necessidades dos estudantes.

Rede pública

Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)

Sem dúvidas, a Universidade Estadual de Campinas é uma das melhores quando o assunto é ensino público. As vagas ofertadas são muito concorridas e os alunos interessados precisam ficar atentos e participar da inscrição UNICAMP.

Fundação Universidade Federal do ABC (UFABC)

Esta instituição é uma das melhores universidades federais do estado e possui excelência em pesquisa. A Fundação Universidade Federal do ABC tem grande importância, não só para São Paulo, mas para o ensino superior do país.

Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA)

Sendo uma das mais concorridas e valorizadas instituições, o Instituto Tecnológico de Aeronáutica possui cursos de graduação e pós-graduação nas áreas da Engenharia.

Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR)

A Universidade Federal de São Carlos também está presente no ranking das melhores universidades públicas do país. São diversos cursos ofertados nas mais diversas áreas.

Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)

Também sendo muito importante para o seu estado, a Universidade Federal de São Paulo dispõe de qualidade de ensino em todos os cursos ofertados.

A Prudential do Brasil publica hoje balanço de suas operações no País em 2002, pouco mais     de sete meses após a descontinuidade de operação com o Bradesco Seguros – a joint venture acabou em julho de 2002, com a compra de ações pela Prudential. A receita de prêmios de seguros de vida em 2002 foi de R$ 34,7 milhões, 46% superior à receita auferida em 2001 (R$ 23,7 milhões). A receita total, incluindo DPVAT e resíduos da operação de co-seguros com o Bradesco, somou R$ 51,4 milhões em 2002, contra R$ 69,7 milhões em 2001.

Confira aqui o site do DPVAT para entender mais sobre a funcionalidade do Seguro Obrigatório.

O Seguro DPVAT por exemplo, é de caráter obrigatório em todos estados brasileiros, o mesmo é destinado as vítimas de acidentes de trânsito, quando o mesmo ocorrer. O pagamento do DPVAT Rio de Janeiro deve ser feito por motoristas de veículos automotores.

Segundo o presidente da Prudential no Brasil, William Yates, a redução se explica justamente no fim da associação das seguradoras e na fase inicial de investimentos da Prudential no segmento de seguros de vida no Brasil. “Os resultados de 2002 estão em linha com o nosso planejamento”, disse o executivo. O prejuízo da empresa, em 2002, foi de R$ 7,273 milhões.

Não precisamos fazer lucro no primeiro ano, ao contrário de algumas empresas. Para nós, lucratividade é importante, mas não é o principal indicador. Sabemos que progredimos com a performance dos life planners (agentes especializados), com a produtividade e com a persistência do negócio – afirmou o vice-presidente sênior para Europa e América Latina da Prudential International Insurance, Willian Chris Ray, em visita ao Brasil. Em 2002, a taxa de persistência (que indica o número de apólices que se mantiveram em vigor após 12 meses de contrato) foi de 76,3%, usando como base o prêmio anualizado.

Olhos abertos para a tendência do mercado

Para Ray, o que importa é a tendência de crescimento do faturamento da empresa. “Em alguns anos o Brasil será um grande negócio”, observou Ray. O executivo acompanhou também o início das operações da Prudential na Polônia e Argentina. “Observamos a direção da curva, a tendência do mercado”, afirmou.

A taxa de sinistralidade da Prudential do Brasil foi de 56,6% em 2002, contra 62,6% em 2001. Com a separação do Bradesco Seguros, a Prudential passou a operar fundamentalmente no setor de seguros de vida. A taxa de sinistralidade somente nesse segmento foi de 15,2% no ano passado.

O mercado de seguros de vida no Brasil tem grande potencial de crescimento. Durante o período de hiperinflação, tirando os seguros em grupo, o mercado de (seguros) de vida desapareceu. Quando a inflação ficou sob controle e as pessoas puderam ter capacidade de planejamento voltou-se a vender seguros individuais.